• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
Geopolítica

Pellegrino considera gravíssimas novas denúncias de espionagem

Por Redação      |     02/09/2013 às 12:12

O presidente da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), da Câmara dos Deputados, Nelson Pellegrino (PT-BA), classificou de “gravíssimas” as novas denúncias de espionagem dos Estados Unidos no Brasil. Segundo ele, “o governo acertou ao convocar o embaixador norte-americano Thomas Shannon para prestar esclarecimentos. E, caso se confirme que a presidente Dilma foi espionada, temos um episódio inaceitável de violação da soberania nacional”.

Pellegrino informou que irá promover no âmbito da CREDN e da Comissão Mista de Controle das Atividades de Inteligência (CCAI), a realização de novas audiências públicas para tratar das novas denúncias e do trabalho realizado por duas comissões de brasileiros nos Estados Unidos, a última delas presidida pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que se reuniu em Washington com o vice-presidente Joe Baden, com a assessora para Assuntos de Contraterrorismo, Lisa Mônaco, e com o chefe de Departamento de Justiça, Eric Holder.

“Pelo que soubemos os Estados Unidos não aceitam qualquer tipo de acordo que preserve a privacidade de pessoas comuns e de autoridades. Eles se consideram legalmente amparados e esta postura é inadmissível, portanto, vou defender a instalação de uma CPI Mista para investigarmos a fundo o que saiu até agora e o que ainda está por vir”, afirmou o deputado.

, ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Base Aérea de Santa Cruz abre suas portas em evento festivo

“Portões Abertos 2015” do Museu Aeroespacial

Voando com o Esquadrão Adelphi




©Copyright 2017 - Comandos Editorial. Todos os direitos reservados.

É expressamente proíbida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sendo os infratores indiciados com base na Lei nº 9.610 de 19/02/1998.

Operacional Magazine: proud to be Brazilian.