• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
Exército

14ª Companhia de Polícia do Exército ficará de prontidão em Cuiabá

Por Anderson Gabino      |     28/05/2014 às 11:56

Foto  Hélder Rafael

O esquema de segurança da Copa do Mundo em Cuiabá vai contar com o apoio de militares baseados em Campo Grande. A 14ª Companhia de Polícia do Exército destinou para a capital mato-grossense 110 homens para atuar em conjunto com as forças de segurança pública durante o período do Mundial.

O contingente ficará de prontidão para atuar caso haja distúrbios, como manifestações violentas. Na manhã desta segunda-feira, 25 soldados da corporação embarcaram com destino a Mato Grosso. Outros 85 homens serão transportados na quarta-feira.

Segundo o major Rodrigo Ribeiro, a 14ª Companhia é preparada para trabalhar em situações de crise, mas com a proximidade da Copa do Mundo, o treinamento foi intensificado.

Foto Hélder Rafael

Nosso adestramento normal já é relacionado a esse tipo de atividade, mas por causa da Copa do Mundo a preocupação foi ainda maior. Em caso de necessidade, o governo de Mato Grosso pedirá reforço às Forças Armadas, e com a autorização da presidente Dilma entraremos em ação – explicou.

A companhia cedeu ainda três cães policiais e dois cães farejadores de explosivos, das raças labrador e pastor belga malinois. Os cães para faro serão empregados nas rondas em aeroportos, hotéis e na Arena Pantanal.

Além do contingente, a 14ª Companhia enviou para a capital mato-grossense nove viaturas, 14 motocicletas e armamento letal e não-letal. As tropas de Campo Grande ficarão alojadas na sede do comando da 13ª Brigada de Infantaria Motorizada, em Cuiabá.

FONTE : globoesporte.com

,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Base Aérea de Santa Cruz abre suas portas em evento festivo

“Portões Abertos 2015” do Museu Aeroespacial

Voando com o Esquadrão Adelphi




©Copyright 2017 - Comandos Editorial. Todos os direitos reservados.

É expressamente proíbida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sendo os infratores indiciados com base na Lei nº 9.610 de 19/02/1998.

Operacional Magazine: proud to be Brazilian.