• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
Exército

AMAN intensifica medidas de segurança na instrução da tropa contra os efeitos da Rabdomiólise

Por Anderson Gabino      |     13/10/2014 às 9:32

IMG_6637

Com o intuito de prevenir e combater os efeitos da rabdomiólise induzida por esforço físico e pelo calor, a Academia Militar das Agulhas Negras, assim como todas as organizações militares do Exército Brasileiro, intensifica e amplia as medidas de segurança na instrução da tropa. As altas demandas físicas e psicológicas do combate moderno exigem que o soldado seja atualmente submetido a intensos treinamentos.

Em consequência, tal cenário, aliado à tendência atual de consumo de substâncias ergogênicas entre os jovens, tem contribuído para o aumento do risco de incidência de acidentes térmicos e da rabdomiólise. Esta última tem provocado modificações nos padrões de hidratação e de preparo em vários exércitos do mundo, a fim de reduzir sua ocorrência. Cabe ressaltar que essa mudança teve início nos Estados Unidos da América, a partir do ano de 1991, quando do crescente índice de rabdomiólise derivado do treinamento específico para a Operação Tempestade no Deserto.

Assim, alinhada com a Portaria do Comandante do Exército nº 129, de 11 de março de 2010, que trata da Diretriz para a Implantação do Programa de Prevenção e Controle da Rabdomiólise Induzida por Esforço Físico e pelo Calor, e de acordo com o Caderno de Prevenção de Acidentes de Instrução do Exército Brasileiro, a Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) vem intensificando suas medidas de segurança na instrução, tendo os principais pontos sido destacados nas próximas linhas.

RABDOMIÓLISE 01.JPG

Treinamento funcional

Com o intuito de melhor preparar os cadetes para os exercícios no terreno, a AMAN vem adotando com sucesso a prática do treinamento funcional. Antes dos exercícios de longa duração, os cadetes executam atividades que visam preparar os grupos musculares que serão mais exigidos, fortalecendo suas fibras e células, a fim de minimizar a ocorrência de acidentes relacionados à rabdomiólise. Tais atividades consistem de marchas, pistas de obstáculos, corridas com armas e com equipamentos.

Apoio do IPCFEx em exercícios de longa duração

Por ocasião de exercícios em que os cadetes venham a ser submetidos a esforços físicos intensos e prolongados, como os estágios da Seção de Instrução Especial (SIEsp), o Instituto de Pesquisa da Capacitação Física do Exército (IPCFEx) vem apoiando a AMAN na realização de exames de sangue e urina. Amostras são coletadas antes e durante as atividades, diagnosticando os militares que não estejam em condições de participar ou prosseguir nas instruções.

Utilização do cartão de urina e controle da hidratação

Em complemento aos exames laboratoriais, os cadetes fazem uso de um cartão de urina, que permite, por meio de um sistema de cores, o monitoramento diário dos níveis de desidratação, a qual é controlada e combatida pela hidratação obrigatória, não havendo qualquer tipo de restrição para a reposição hídrica.

ptc

Em experiência bem sucedida no Estágio de Patrulha de Longo Alcance da SIEsp, em 2013, os cadetes que, durante o exercício, tiveram alteração de coloração da urina, enquadrando-se em grupos de risco, realizaram exames de sangue adicionais durante as atividades, a fim de detectar indicadores da presença da mioglobina.

Os cadetes aptos neste último exame retornaram às tarefas, enquanto os que apresentaram sinais da presença da mioglobina foram afastados do Estágio. Atualmente, a hidratação a comando foi incorporada no rol de atribuições do cadete na função de Adjunto de PELOPES dos estágios da SIEsp, sendo objeto de avaliação e contribuindo para o controle da hidratação.

Controle antropométrico dos cadetes

A Seção de Educação Física realiza, duas vezes por ano, a medida das dobras cutâneas e cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC) de todos os cadetes. Dessa forma, pode-se prever a ocorrência de possíveis dificuldades nas atividades de treinamento físico militar, identificando, orientando e acompanhando os militares que apresentem sobrepeso.

RABDOMIÓLISE 02.JPG

Além disso, esse procedimento permite apontar possíveis indícios de ingestão de substâncias ergogênicas, contribuindo para um controle adequado de seu consumo, dentro da normatização existente no âmbito da Academia. Adicionalmente, os cadetes são rotineiramente submetidos a inspeções de saúde após o retorno do período de férias.

Análise de questionários epidemiológicos dos cadetes

Além do acompanhamento das informações pessoais constantes de suas pastas, antes da realização de exercícios no terreno, os cadetes preenchem um questionário epidemiológico. Por meio deste instrumento, o militar tem a oportunidade de informar ou atualizar seu estado de saúde, podendo ser submetido a exames mais detalhados e até mesmo ser impedido de participar de atividades que demandem qualquer tipo de desgaste que possa vir a contribuir para provocar danos a sua condição física.

Capacitação de recursos humanos

Anualmente, por ocasião de seu Estágio de Atualização Pedagógica, a AMAN capacita seus instrutores e monitores no tocante à prevenção de acidentes na instrução, rabdomiólise e medidas profiláticas em exercícios no terreno. Esse conhecimento também é repassado para todo o corpo permanente da Academia, bem como para os próprios cadetes, por meio de palestras que visam à capacitação e à atualização de todos os militares sobre estes assuntos.

Equipe de Análise de Acidentes Multidisciplinar

Com o intuito de incrementar as medidas de segurança futuras, a AMAN criou neste ano uma Equipe de Análise de Acidentes Multidisciplinar. Esta equipe, composta por cinco oficiais de diversas especialidades, tem por finalidade realizar um levantamento de informações detalhado, minucioso e imediato após a ocorrência de acidentes na instrução e no treinamento físico militar.

Dessa forma, permite-se a atualização dos bancos de dados, a adoção de melhores práticas, bem como a proposta de protocolos para a prevenção de acidentes, da rabdomiólise ou de outros julgados necessários.

 RABDOMIÓLISE 03.JPG

Se, por um lado a Academia Militar das Agulhas Negras não pode prescindir de prover um treinamento intenso e realista para seus cadetes, sob pena de prejudicar, por um longo prazo, todo o Exército Brasileiro; por outro não pode expor desnecessariamente seu corpo discente aos riscos além daqueles inerentes à formação de um Soldado Profissional.

Nesse sentido, essas e muitas outras medidas em vigor na Academia têm por objetivo permitir que a instrução militar e o treinamento físico sejam alvo do tradicional rigor, permitindo que as demandas da guerra moderna sejam atendidas.

FONTE : Revista Verde Oliva

Nota do Editor : O que é Rabdomiólise? É a quebra (lise) rápida de músculo esquelético (rabdomio) devido à lesão no tecido muscular. A lesão muscular pode ser causada por fatores físicos, químicos ou biológicos. A destruição do músculo leva à liberação de produtos das células musculares na corrente sanguínea; alguns dos quais, como a mioglobina (uma proteína), são lesivos para os rins, podendo causar insuficiência renal aguda. O tratamento se dá com fluidos intravenosos e diálise ou hemofiltração se necessários.

A Rabdomiólise e suas complicações são problemas encontrados em pessoas que sofrem lesões em desastres como terremotos e bombardeios. Ou em usuários da droga crack. A doença e seus mecanismos foram elucidados pela primeira vez na Blitzkrieg de Londres em 1941. O exercício físico extenuante, realizado em condições de muito calor e alta umidade em pessoas com hidratação inadequada também estão sujeitos a rabdomiólise.

, , , ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Base Aérea de Santa Cruz abre suas portas em evento festivo

“Portões Abertos 2015” do Museu Aeroespacial

Voando com o Esquadrão Adelphi




©Copyright 2017 - Comandos Editorial. Todos os direitos reservados.

É expressamente proíbida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sendo os infratores indiciados com base na Lei nº 9.610 de 19/02/1998.

Operacional Magazine: proud to be Brazilian.