• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
História

Documentário “Estrela de David no Cruzeiro do Sul” é lançado no Rio de Janeiro

Por Rafael Sayão      |     30/11/2016 às 9:41

estreia-dvd-edcs-28-nov-2016-87-gen-paixao-dir-dphcex-e-ib

A Academia de História Militar Terrestre do Brasil (AHIMTB) e o coletivo Pátria Filmes promoveram na noite de 28 nov 2016 a Estréia Nacional do Documentário de 70 min Estrela de David no Cruzeiro do Sul. O evento realizou-se no Forte Copacabana, sitio onde ocorreram episódios importantes da historia do Brasil, hoje Museu Historico do Exercito, um dos mais concorridos pontos turísticos do Rio.

 O documentário, produzido por Daniel Mata Roque, da Pátria Filmes, e dirigido pelo Prof Israel Blajberg, da AHIMTB/RIO, foi selecionado para a Mostra Competitiva do 1º Festival de Filmes Militares promovido pelo CComSEx – Centro de Comunicação Social do Exército em Brasilia, no corrente mês. Baseado no livro do mesmo nome, oferece um corte histórico ao longo de 5 séculos, desde a chegada das caravelas de Cabral até as Forças de Paz no Haiti, com depoimentos de Soldado a General,da Ativa e da Reserva, material de arquivo e contribuições de veteranos, historiadores, familiares, formadores de opinião, estudiosos e dirigentes. Estrela de David no Cruzeiro do Sul é um testemunho autêntico da cidadania e patriotismo de todos aqueles que se orgulham de serem brasileiros, e da sua herança espiritual judaica.

Na abertura foram homenageados quatro veteranos ex-combatentes da 2ª Guerra Mundial: Coronel de Artilharia Amerino Raposo, que há 71 anos era o Tenente Comandante da Linha de Fogo que disparou o ultimo tiro da Artilharia Brasileira na 2ª Guerra Mundial, Tenente Médico Dr Carlos Henrique Bessa, que atuou no socorro aos feridos no front, como médico do 1º. Batalhão de Saúde, e antigo presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, veterano Nelson Moreira Botelho, antigo soldado da FEB que hoje preside a Associação dos Ex-Combatentes de São Gonçalo, e Akiba André Levy, nascido na Argélia, veterano da Marinha Francesa do Cruzador Jean Bart, que navegou no Mediterrâneo combatendo a marinha nazista, bem como o Decano dos Veteranos do 1º Batalhão de Guardas – Batalhão do Imperador, antigo soldado da Classe de 1946, Dr Miguel Grinspan, que participou do Desfile da Vitoria em Londres, 1946, e o sobrevivente do Holocausto, então uma criança de 6 anos, Freddy Glatt.

Compuseram a mesa de abertura da sessão o Almirante de Esquadra Gilberto Max Roffé Hirschfeld – Coordenador-Geral do Programa de Desenvolvimento de Submarino com Propulsão Nuclear – COGESN, Prof. Israel Blajberg, Presidente da AHIMTB/RIO, representando o Cel Claudio Moreira Bento, Presidente da Federação das Academias de Historia Militar Terrestre do Brasil, sediada em Resende, Vice Almirante José Carlos Mathias, Diretor do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM); General de Brigada Severino de Ramos Bento da Paixão, Diretor do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército (DPHCEx); Cornel de Artilharia Julio Teodorico Nascimento Netto, Comandante do Forte Copacabana e Diretor do Museu Histórico do Exército, e Dr Paulo Maltz, Vice-Presidente, representando o Presidente da CONIB – Confederação Israelita do Brasil, Dr Fernando Lottenberg

Entre o numeroso publico civil e militar, encontravam –se o General de Exercito Luiz Seldon da Silva Muniz, antigo Comandante Militar do Leste, Vice-Almirante Armando de Senna Bittencourt, do Gabinete do Comandante da Marinha, Contra-Almirante Denilson Medeiros Nôga, Diretor de Assistência Social da Marinha, Contra-Almirante Paulo Cesar Demby Corrêa, Comandante do Centro de Instrução Almirante Wandenkolk – CIAW, Contra-Almirante Medico Dr Roberto Becman ,General de Brigada Márcio Tadeu Bettega Bergo, Chefe do Centro de Estudos e Pesquisa de História Militar do Exército (CEPHiMEx) , Consul Mikhail Gruzdev,representando o Cônsul Geral da Rússia Wladimir Tokmakov, Cel Alexandre Moreno dos Santos, Diretor da BIBLIEX, Cel Ismar Santos da Cunha, Diretor da Casa Histórica de Deodoro, Coronel Roberto Mascarenhas de Moraes, neto do saudoso Marechal Mascarenhas de Moraes, Comandante da FEB, Dr Breno Amorim, Presidente da Casa da FEB, Eng Marcos Moretzsohn Renault Coelho, Presidente da Associação dos Veteranos da FEB de Belo Horizonte, Da. Léa de Azevedo viuva do saudoso ex-combatente Coronel Salli Szajnferber, Herói da Tomada de Montese, Tenente-Coronel Luciano de Sousa Pereira, Chefe da Divisão de Planejamento e Pesquisa do Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana, Tenente Coronel Bombeiro Militar Médico Dr Elcio Carneiro Carvalho Junior, Eng Sergio Niskier – Presidente da Câmara Brasil-Israel de Comércio e Industria, Dr Jose Antonio de Souza Batista, Presidente da Sociedade dos Amigos da Marinha, Dr Marcio Fortes, antigo Presidente do BNDES, Dr Pedro Calmon Filho, Prof Leizer Lerner, Presidente de Honra da Associação dos Antigos Alunos da Politécnica, Dr Daniel Klabin , Dr Ruy Flaks Schneider, Presidente do Grande Templo Israelita, Evelyn Freier Milsztajn, VP da FIERJ, Dra Flora Strozemberg, da ANAJUBI e OAB, Comandante João Abrahão da Silva, Presidente da APRAMA – Associação Almirante Prado Maia, Tenente Leonardo Botelho, representando o Vice Almirante Leonardo Puntel, Comandante do 1º. Distrito Naval, Sargento Cristiano Costa, do Museu do Corpo de Fuzileiros Navais, entre outras personalidades.

O DVD pode ser adquirido através do site www.patriafilmes.com, e o livro pelo email [email protected].

O conjunto completo das entrevistas realizadas abrange 5 capitulos com cinco horas de duração: O Brasil na Segunda Guerra Mundial , CPOR e CIORM , Quadros de Carreira , Sociedade, Academia e Imprensa , e Retorno à Marinha.

, ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Campeonato de salto do Exército Brasileiro

Festa da Cavalaria do CML

4ª edição da “Coluna da Vitória”

©Copyright 2017 - Comandos Editorial. Todos os direitos reservados.

É expressamente proíbida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sendo os infratores indiciados com base na Lei nº 9.610 de 19/02/1998.

Operacional Magazine: proud to be Brazilian.