• Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS
Exército

A Evolução da Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear do Exército Brasileiro

Por   

1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.7

A reestruturação do Sistema de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear do Exército (SisDQBRNEx) tem por objetivo prover à Força Terrestre a capacidade de participar de operações militares; de operações de segurança QBRN com outros órgãos no contexto da Defesa Civil; e de integrar força militar para atividades de DQBRN, atendendo a compromissos do Brasil com organismos internacionais.

1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.5

Constitui-se em um dos subprojetos do Projeto Estratégico do Exército (PEE) “Sistema Integrado para a Proteção de Infraestruturas Estratégicas” – PROTEGER.

A Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (DQBRN) assume importância cada vez maior no cenário mundial, notadamente nos conflitos de amplo espectro, nos quais emerge a possibilidade do emprego de agentes químicos, biológicos, radiológicos e nucleares (QBRN).

1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.6

Tais agentes poderiam ser utilizados em armas ou mesmo em dispositivos explosivos improvisados e ameaçar estruturas estratégicas. Os estudos para elaboração dos cenários prospectivos que fundamentam o planejamento estratégico da Força corroboram a relevância estratégica dos temas relacionados à DQBRN, sendo crescente sua repercussão em outros setores do Estado e da sociedade.

1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear

O projeto se justifica pela necessidade de dotar a estrutura de DQBRN do Exército de meios que o capacitem a atuar no amplo espectro dos conflitos, de operações ofensivas, defensivas, de pacificação e de apoio a órgãos governamentais, facultando esse apoio em situações de guerra e de não guerra, fomentar pesquisas e o desenvolvimento de doutrinas, materiais, equipamentos e sistemas militares e civis em DQBRN, de acordo com estudos prospectivos e as prioridades científico-tecnológicas decorrentes da Estratégia Nacional de Defesa e incentivar a interação do SisDQBRNEx com instituições científicas para fins de capacitação, pesquisas, desenvolvimento, ou para a solução de eventuais emergências ou crises.

1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.2Evolução da Defesa Química1º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.3Evolução da Defesa Química.21º Batalhão de Defesa Química Biológica Radiológica e Nuclear.4

FONTE : COTER

Fonte | Fotos: operacional

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Formatura do Treinamento Específico de Auxiliar de Precursor

Dia Internacional do Peacekeeper no CCOPAB

Temporada hípica da EsEqEx