News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Friday, 14 de June de 2024
Home » Internacional » Marinheiros Russos chegam à França para começarem período de aprendizagem sobre seus futuros porta-helicópteros

Marinheiros Russos chegam à França para começarem período de aprendizagem sobre seus futuros porta-helicópteros

Diversos
Por

9vladivostok-mistral

A agência de notícias AFP informou que marinheiros russos, que devem formar as primeiras tripulações para operarem a bordo dos futuros porta-helicópteros Vladivostok e Sevastopol, classe Mistral, chegaram quarta-feira dia 25 de junho ao porto francês de Saint-Nazaire.

1-BPC-Russe-2_HD

Duas comitivas russas, que incluem um total de 400 marinheiros, encontram-se a bordo do navio-escola da Frota do Mar Báltico Smolny que tinha saído de Kronstadt em 18 de junho. Informa-se que o “Smolny” chegou ao porto de Saint-Nazaire às 07:00 hs (09:00 hs, hora de Moscou, e 02:00 hs, hora de Brasília).

Smolny

De acordo com o contrato no valor de 1,2 bilhões de euros, firmado anteriormente pelo governo Russo e da França, os estaleiros de Saint-Nazaire, irão construir para a Marinha de Guerra da Russia dois porta-helicópteros, classe Mistral, que terão os nomes Vladivostok e Sevastopol.

vladivostok_foto-bernard-600x400

O primeiro navio será entregue à Russia no outono deste ano, o segundo, no outono de 2015.

vladivostok_4.3.14_bp_0-600x400

Presume-se que o período de treinamento dos marinheiros russos na França vai prolongar-se por varios meses.

Fonte | Fotos: vozdarussia