News

SAFRAN ESTÁ NA FIDAE 2024 COM SEUS PRODUTOS DE PONTA

Embraer e FAB iniciam estudos para plataformas de missões especiais

Pavilhão Brasil, coordenado pela ABIMDE, é inaugurado por autoridades na FIDAE 2024

Forças Armadas e agências federais destroem helicóptero e detêm piloto em operação contra garimpo ilegal na terra indígena Yanomami

IACIT fortalece presença entre principais marcas globais na FIDAE 2024

Operação Catrimani II: Forças Armadas empregam 800 militares em nova fase de combate ao garimpo na TI Yanomami

Marinha e Polícia Federal apreendem carga de cigarros contrabandeados no litoral do Pará

Saturday, 20 de April de 2024
Home » Exército » Gen Bda Lima assume o comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva

Gen Bda Lima assume o comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva

Exército

No dia 27 de agosto de 2019, foi realizada a solenidade de passagem de comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda Inf Sl) do General de Brigada Eduardo Leal de Oliveira para o General de Brigada Luciano Batista de Lima. O ato solene foi presidido pelo Comandante Militar da Amazônia (CMA), General de Exército César Augusto Nardi de Souza.

A solenidade teve início com a inauguração da fotografia do Comandante sucedido na galeria dos Eternos Comandantes e prosseguiu com a passagem de comando no pátio de formatura da Brigada.

A formatura contou com a presença de autoridades civis, entre eles o Prefeito do Município de Porto Velho, Hildon Chaves, além de Oficias Generais, Comandantes de OM, Oficiais Militares, amigos e familiares.

Brigada Príncipe da Beira

A 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda Inf Sl), Brigada Príncipe da Beira, tem como origem os Contingentes Especiais de Fronteira, instituídos em 1932, oriundos do 27º Batalhão de Caçadores, atual 1º Batalhão de Infantaria de Selva, situado em Manaus, AM, que reocuparam a área do Forte Príncipe da Beira e se instalaram em Guajará-Mirim e Porto Velho.

Herdeira de um passado de pioneirismo, trabalho e lutas na Amazônia Ocidental, a 17ª Brigada de Infantaria de Selva tem sido a garantia da soberania e da nacionalidade, fatores preponderantes da coesão nacional, na fronteira noroeste do Brasil. Atualmente tem como unidades subordinadas o Comando de Fronteira Acre / 4º Batalhão de Infantaria de Selva, o Comando de Fronteira Rondônia / 6º Batalhão de Infantaria de Selva, o 54º Batalhão de Infantaria de Selva, o Comando de Fronteira Juruá / 61º Batalhão de Infantaria de Selva, a 17ª Companhia de Infantaria de Selva, a 17ª Base Logística, a Companhia de Comando da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, o 17º Pelotão de Polícia do Exército e o 17º Pelotão de Comunicações de Selva.

Ao mesmo tempo em que cultua suas raízes históricas e tradições, a 17ª Bda Inf Sl aprimora sua capacidade operacional para dispor de adequado poder de combate e justificar porque é conhecida como “Casa do Combatente de Selva Contemporâneo”.

 

Fonte | Fotos: 17ª Bda Inf Sl