• Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS

Marinha

Binômio Navio-Aeronave da Marinha do Brasil realiza Evacuação Aeromédica no Navio Mercante “SOLITAIRE”

Por   

Aeronave da Marinha do Brasil a espera do tripulante do NM “SOLITAIRE”

A Fragata “Rademaker” e a aeronave da Marinha do Brasil AH-11A “Super Lynx” realizaram a Evacuação Aeromédica (EVAM) de um tripulante do Navio Mercante (NM) “SOLITAIRE”, de bandeira panamenha, que navegava a aproximadamente 1.300 km da costa da cidade do Rio de Janeiro (RJ), dentro da área de responsabilidade de Busca e Salvamento (SAR) atribuída ao Brasil.

Atendendo ao pedido de socorro do navio mercante, o SALVAMAR SUESTE, do Comando do 1º Distrito Naval coordenou a EVAM do tripulante que apresentava quadro médico grave, com distensão abdominal e restrição a movimentos.

Devido à distância da costa em que a embarcação se encontrava, a Fragata “Rademaker”, suspendeu, no dia 7 de agosto, para o resgate. A aeronave foi ao encontro do navio e, após um dia de navegação, o “Super Lynx” decolou em direção ao NM, que estava a aproximadamente 90 km da Fragata, e efetuou a remoção do enfermo para uma primeira avaliação.

Fragata Rademaker

Como o quadro médico era de grande complexidade, no dia 9 de agosto, a aeronave decolou com destino a Base Aérea do Galeão no Rio de Janeiro, onde o tripulante foi transferido para um hospital da cidade do Rio de Janeiro.

A execução dessa complexa missão, que envolveu vários setores da Marinha do Brasil, permitindo a remoção com segurança de uma pessoa em perigo no mar, demonstra a capacidade do Brasil de atender de forma eficaz aos seus compromissos internacionais relacionados à salvaguarda da vida humana no mar no Atlântico Sul, colaborando com o lema do SAR mundial: “Para que outros possam viver”.

Fonte | Fotos: ccsm

, , , ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Formatura do Treinamento Específico de Auxiliar de Precursor

Dia Internacional do Peacekeeper no CCOPAB

Temporada hípica da EsEqEx