• Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS

Geopolítica

Navio-escola espanhol chega ao Rio de janeiro em viagem de instrução

Por   

juan-sebastian-de-elcanobarcoespanholdivulgacao

O navio-escola da armada espanhola Juan Sebastián de Elcano, chegou nesta quinta-feira (19) ao porto do Rio de Janeiro, primeiro destino internacional de sua 86ª viagem de instrução para 77 novos guarda-marinhas. O bergantim, que navega desde 1927, foi recebido no píer Mauá pelo embaixador da Espanha no Brasil, Manuel de la Cámara, e pelo cônsul espanhol no Rio, Alfonso Palazón.

A nova viagem da embarcação começou em 10 de janeiro em Cádiz e teve escalas em Ceuta e Las Palmas de Gran Canaria, antes de iniciar uma travessia de 27 dias pelo oceano Atlântico até chegar ao Rio de Janeiro, cidade que não visitava desde 2010. Do porto carioca, no qual ficará aberto ao público até o próximo dia 24, o navio zarpará rumo a Montevidéu, e depois atravessará o estreito de Magalhães e seguirá para os portos chilenos de Punta Arenas e Valparaíso e o peruano de El Callao, antes de atravessar o Canal do Panamá.

De volta ao Atlântico, o navio-escola prosseguirá em direção à cidade mexicana de Veracruz, onde atracará antes de chegar aos portos de Pensacola e Boston, ambos nos Estados Unidos, e de atravessar novamente o oceano para retornar ao porto espanhol de Marín em 13 de julho. “Cada viagem é diferente, e os portos e a rota atendem a diferentes razões, inclusive convites. Em função disso, a cada ano variam os percursos e os portos. Tentamos não repetir portos por algum tempo. Por isso, a última vez em que passamos pelo Brasil foi há cinco anos”, explicou o comandante da embarcação, Torres Piñeyro.

A viagem de cerca de seis meses é realizada anualmente e faz parte do período de formação dos novos oficiais da marinha espanhola, que, além de seguir seus estudos a bordo em matérias teóricas, “põem em prática o que vão aprendendo sobre manobras, navegação ou meteorologia”. Com um comprimento de 131,1 metros e uma boca (largura) de 13 metros, o Juan Sebastián de Elcano ostenta o título de Embaixador honorário da Marca ‘Espanha’ por seu trabalho de divulgar a imagem do país desde sua primeira viagem, em fevereiro de 1928.

“Este é um dos maiores e mais antigos navios escola do mundo e é nosso melhor embaixador no mundo. Me sinto orgulhoso de contar com este embaixador da Espanha em um país amigo como o Brasil”, disse o Manuel de la Cámara em entrevista coletiva a bordo do navio-escola. Já Piñeyro afirmou que o confisco, em agosto do ano passado, de 127 quilos de cocaína a bordo do navio durante uma inspeção em Cádiz, após a viagem de instrução de 2014, não afetou a condição do veleiro como embaixador da Espanha no mundo.

“Foi um comportamento deplorável por parte de alguns membros da tripulação, mas isso não pode arruinar o trabalho duro e honesto de todo o resto durante muitos anos. Este navio continua sendo motivo de orgulho e admiração onde quer que nos recebam, e nossa indignação pelo ocorrido nos obriga a termos mais esperança e nos esforçarmos para nos superar”, afirmou.

FONTE : TERRA

Fonte | Fotos: operacional

, , ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Formatura do Treinamento Específico de Auxiliar de Precursor

Dia Internacional do Peacekeeper no CCOPAB

Temporada hípica da EsEqEx