News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Thursday, 20 de June de 2024
Home » Internacional » Alemanha encomenda novos navios e sistemas antiaéreos

Alemanha encomenda novos navios e sistemas antiaéreos

Diversos
Por

Armas GOV Alemão

O governo alemão comprará um novo sistema de defesa antiaérea e quatro navios de guerra nos próximos anos a um preço total de quase € 8 bilhões, anunciou nesta terça-feira o Ministério da Defesa. O chefe militar General Volker Wieker afirmou que a Alemanha planeja adquirir Sistemas de Defesa Antiaérea Medium Extended (MEADS). O sistema, desenvolvido pela empresa europeia MDBA e pela americana Lockheed, que irá substituir o atual sistema Patriot até 2025.

A Alemanha usa o sistema Patriot desde 1989. A empresa americana Raytheon fabricante do sistema, lançou uma versão atualizada mas perdeu a disputa para garantir um novo contrato com o governo alemão. A imprensa Alemã afirma que seus militares querem comprar de oito a dez unidades do sistema, mas o governo ainda não anunciou oficialmente seus planos. A aquisição do MEADS custará cerca de € 4 bilhões, informou a Associated Press.

A Alemanha também pretende gastar € 3,9 bilhões em quatro navios de guerra. O Ministério da Defesa está recebendo propostas de toda a Europa, com a primeira embarcação devendo ser entregue em 2023. Segundo seus desenvolvedores os sistemas MEADS tem um arco de artilharia de 360 graus, o que significa que pode defender contra ataques com mísseis múltiplos vindos de diferentes direções ao mesmo tempo.

FONTE : Sputniknews

Fonte | Fotos: operacional