News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Friday, 21 de June de 2024
Home » Marinha » Embraer qualifica Oficiais da Marinha do Brasil

Embraer qualifica Oficiais da Marinha do Brasil

Marinha
Por

capture-20150203-204329-600x494

A partir de 2 de fevereiro, dois Oficiais Engenheiros da Marinha do Brasil, se tornaram os pioneiros no Programa de Especialização em Engenharia (PEE), conduzido pela EMBRAER. Eles participarão do curso de Especialização em Engenharia Aeronáutica, tendo a Diretoria de Aeronáutica da Marinha (DAerM), como Organização Militar Orientadora Técnica (OMOT).

O PEE da Embraer foi estruturado em 2001 para atender a demanda de engenheiros da empresa de capacitar profissionais com formação multidisciplinar para comporem o quadro técnico da EMBRAER, sendo realizado em parceria com o Instituto Tecnológico de Aeronáutica, oferecendo o título de Mestrado Profissional em Engenharia Aeronáutica.

Comitiva da DAerM visita as instalações da Embraer

Em 2014, a DAerM iniciou as tratativas com a EMBRAER visando qualificar oficiais recém aprovados no Concurso do Corpo de Engenheiros da Marinha para desempenhar funções técnicas nas Organizações Militares da Aviação Naval. Cabe ressaltar, que esta iniciativa da DaerM teve o total apoio do Ministério da Defesa, que “abraçou” o projeto, efetuando e coordenando as gestões junto à EMBRAER.

A DAerM também tem buscado estabelecer outras parcerias com a Indústria Nacional e Instituições de Ensino Superior no País visando incrementar e diversificar as competências dos Oficiais do Corpo de Engenheiros da Marinha.

Essas iniciativas denotam a percepção da Diretoria de Aeronáutica da Marinha sobre a necessidade de ampliar o efetivo de engenheiros, servindo na Aviação Naval, para fazer frente à necessidade de pessoal especializado para gerenciar as atividades técnicas da Diretoria e a execução e acompanhamento dos serviços de manutenção de 3º Escalão dos Meios Aeronavais, bem como de participar como assessores técnicos nos Projetos de Modernização das Aeronaves: A-4 Skyhawk (AF-1B/1C); Turbo Trader (COD) KC-2; “Super-Lynx” MB (AH-11B); H-XBR “Super-Cougar” e do projeto de desenvolvimento da versão naval do Projeto FX-2 (Sea Grippen).

grip-600x444

FONTE : DAerM

Fonte | Fotos: operacional