News

SAFRAN ESTÁ NA FIDAE 2024 COM SEUS PRODUTOS DE PONTA

Embraer e FAB iniciam estudos para plataformas de missões especiais

Pavilhão Brasil, coordenado pela ABIMDE, é inaugurado por autoridades na FIDAE 2024

Forças Armadas e agências federais destroem helicóptero e detêm piloto em operação contra garimpo ilegal na terra indígena Yanomami

IACIT fortalece presença entre principais marcas globais na FIDAE 2024

Operação Catrimani II: Forças Armadas empregam 800 militares em nova fase de combate ao garimpo na TI Yanomami

Marinha e Polícia Federal apreendem carga de cigarros contrabandeados no litoral do Pará

Tuesday, 23 de April de 2024
Home » Ministério da Defesa » Governo da sinais que irá cancelar a compra de sistema russo de defesa antiaérea Pantsir-S1

Governo da sinais que irá cancelar a compra de sistema russo de defesa antiaérea Pantsir-S1

Ministério da Defesa
Por

IMG_2077_pantsir-s1

O governo começou a emitir sinais de que não vai adquirir o tão ventilado sistema de defesa antiaérea de tecnologia russa Pantsir-S1, que foi prometido para as Forças Armadas utilizarem durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A Medida Provisória nº 697 (clique para a ver na integra) publicada ontem revela o cancelamento do empenho de R$ 1,8 milhão como um sinal para parte do equipamento – que custa meio bilhão de reais. Os russos pressionam o governo para a compra – e deram recados à comitiva de políticos que visitou Moscou mês passado.

Ainda bem

Discretamente, militares dizem que o governo se livra de uma sucata. O acordo de intenção foi assinado pelo então ministro da Defesa na gestão de Lula, Celso Amorim.

Sem volta

Na rubrica 05.572 o registro é bem claro: CANCELAMENTO (em caixa alta) no item ‘Projeto de Defesa Nacional’ no valor previsto para ‘sistema de defesa anti-aérea’. veja cópia da MP no álbum abaixo.

Pegou mal

O cancelamento da compra do sistema a menos de um ano dos Jogos, uma promessa do governo para o Comitê Olímpico Internacional, pegou de surpresa vários países. Os americanos e russos, que já temem tanto a violência no Rio, devem reforçar o discurso sobre a fragilidade da defesa do Brasil contra eventuais atos terroristas.

FONTE: opniãoenotícia.com.br

Fonte | Fotos: operacional