News

SAFRAN ESTÁ NA FIDAE 2024 COM SEUS PRODUTOS DE PONTA

Embraer e FAB iniciam estudos para plataformas de missões especiais

Pavilhão Brasil, coordenado pela ABIMDE, é inaugurado por autoridades na FIDAE 2024

Forças Armadas e agências federais destroem helicóptero e detêm piloto em operação contra garimpo ilegal na terra indígena Yanomami

IACIT fortalece presença entre principais marcas globais na FIDAE 2024

Operação Catrimani II: Forças Armadas empregam 800 militares em nova fase de combate ao garimpo na TI Yanomami

Marinha e Polícia Federal apreendem carga de cigarros contrabandeados no litoral do Pará

Sunday, 14 de April de 2024
Home » Mercado & Indústria » Atech participa com êxito de exercício antiterrorismo utilizando a plataforma GDI

Atech participa com êxito de exercício antiterrorismo utilizando a plataforma GDI

Mercado & Indústria
Por
Atech participa de exercício antiterrorismo
Claudio Nascimento, Marcos Vogel e Leonildo Iack, da Atech, fazem
demonstração do GDI nos exercícios do 2° Drone Policial, em Foz do Iguaçu (PR)

A Atech, empresa do Grupo Embraer, demonstrou com sucesso os benefícios da plataforma GDI (Gerenciamento de Incidentes) durante uma simulação de ameaça terrorista em local próximo à área turística de Foz do Iguaçu (PR).  O exercício foi realizado durante o 2º Drone Policial, evento que começou nesta terça (26)  e segue até quinta (28) com participação de policiais de todo o Brasil e do exterior.

A plataforma da Atech possibilita rápida e eficaz integração e interoperabilidade de materiais, sensores e sistemas, proporcionando uma ampla e completa visão do teatro de operações em tempo real.

O exercício simulou o recebimento de um alerta de ataque terrorista em local próximo a Ponte da Integração e Marco das Três Fronteiras, ambos de grande importância econômica e movimentação de turistas.

Durante a simulação, foi feito o rastreio através do Aplicativo Móvel e o sinal de streaming de vídeo gerado pelo Aplicativo Vídeo, ferramentas integradas ao GDI da Atech, juntamente com imagens coletadas por drones. Isso permitiu o acompanhamento, o monitoramento em tempo real da operação, e o rastreamento dos agentes no campo.

De acordo com Cláudio Trapaga F. Nascimento Filho,  Gerente Comercial  da Atech, o exercício simulado potencializou o emprego do GDI, foram demonstradas algumas das suas principais capacidades.

“Os benefícios do Gerenciamento de Incidentes da Atech foram evidentes durante o exercício, proporcionando respostas imediatas e assertivas, elevado grau de consciência situacional e vantagens estratégicas para prevenção e combate ao crime”, disse.

O coordenador do exercício simulado de ameaça terrorista,  Wilner Lopes, piloto e instrutor de pilotagem de RPAs da Polícia Militar do Estado de São Paulo, disse que o exercício foi um sucesso.

“Experimentamos todas as soluções em campo e foram fantásticas, inclusive a Atech apresentou uma solução incrível, fizemos o teste juntamente com polícias de todo o Brasil e também de fora e foi sensacional. Parabéns!”, afirmou Wilner.

O Gerente Comercial da Atech ressalta ainda que o GDI pode ser utilizado em diferentes operações que demandam planejamento e monitoramento em tempo real. Versátil e modular, a aplicação do GDI não se limita ao contexto da Segurança Pública e pode facilmente ser utilizada nas áreas de Saúde, Logística, Meio Ambiente, Transporte, entre outros setores.

Claudio Nascimento, Gerente Comercial da Atech, fala sobre a plataforma GDI
antes do início do exercício que simulou uma operação antiterrorismo
no 2°Drone Policial

“O êxito da aplicação do GDI no primeiro simulado realizado no 2º  Drone Policial demonstra o compromisso da Atech em fornecer soluções tecnológicas inovadoras e eficientes para garantir a segurança e o bem-estar da população”, disse Claudio.

Sobre o  2º  Drone Policial

O 2º  Drone Policial é um seminário promovido pela Secretaria de Segurança Pública de Foz do Iguaçu, em parceria com o Grêmio De Pilotos Remotos da Segurança Pública. O evento reúne diversos órgãos de segurança do Brasil e de outros países. O seminário tem três dias de atividades intensas, visando o compartilhamento de experiências e conhecimentos sobre uso de drones na segurança pública.  A programação inclui palestras, workshops e exercícios simulados com uso de drones em diversos cenários.

Fonte | Fotos: