News

Escoteiro do Rio de Janeiro é condecorado com a Medalha Marechal Mascarenhas de Moraes

Escoteiros de Irajá participam de troca de guarda do Monumento aos Pracinhas

AECB Brasília realiza homenagem a veteranos da FEB

Militares do Comando Militar do Norte fortalecem o preparo em Operações Aeromóveis

Tropa do Exército Brasileiro se prepara para atividade internacional

Operações Interagências: saiba como é atuação da Marinha com outros órgãos

Condor apresenta tecnologias inteligentes durante a LAAD 2023 e anuncia o primeiro Instituto de Ciência e Tecnologia para não letais da América Latina

Sunday, 03 de March de 2024
Home » Mercado & Indústria » Saab conclui F-Air Colombia 2017 com sucesso

Saab conclui F-Air Colombia 2017 com sucesso

Mercado & Indústria
Por

A Saab, empresa de defesa e segurança, apresentou sua ampla variedade de produtos de defesa militar e segurança civil na oitava edição da F-Air Colombia, em Rionegro. Durante o evento, o General (R) González, diretor da Codaltec, e Bo Torrestedt, presidente da Saab América Latina, assinaram um acordo de confidencialidade que fortalecerá a cooperação entre ambas as empresas.

Durante os dias abertos ao público, no final de semana, os visitantes ficaram interessados pela carteira de soluções de alta tecnologia apresentada pela Saab. Pessoas de todas as idades aproveitaram para sentar no cockpit para pilotar o simulador do Gripen e jogar o Gripen game.

“A F-Air Colombia foi um sucesso para a Saab. Conseguimos nos reunir com representantes importantes do governo e das Forças Militares da Colômbia, bem como com delegações de outros países, para continuar consolidando nossas relações locais e regionais. Estamos com boas expectativas para trabalhar com a Codaltec, pois este acordo fortalecerá ainda mais nossas iniciativas de cooperação com a indústria colombiana”, afirmou Thomas Lindén, vice-presidente responsável pela Saab Colômbia.

A Saab e a Codaltec buscarão diversas áreas de colaboração, inclusive tecnologia de radar, simulação, comando e controle, e contramedidas eletrônicas. A cooperação deverá fortalecer a posição de mercado de ambas as empresas na América Latina.

Fonte | Fotos: operacional