• Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS

Exército

EsACosAAe realiza exercício de tiro real no estande do Centro de Avaliações do Exército

Por   

Escola de Fogo Esacossae (43)

A Escola de Artilharia de Costa e Antiaérea (EsACosAAe) é uma organização militar reconhecida, no Brasil e no exterior, como um conceituado centro de doutrina  de Artilharia. Esta reputação, construída ao longo de 81 anos de existência, fundamenta-se no uso das mais modernas técnicas de aprendizagem, baseadas na nova didática da modernização do ensino, desenvolvidas em instalações modernas e equipadas com avançados meios auxiliares de instrução.

Os exercícios de planejamento no terreno (PLANEX) e as escolas de fogo (EsFI) consolidam o aprendizado e conferem aos cursos e estágios um caráter essencialmente prático e objetivo. Neste contexto, cabe a a divisão de ensino da EsACosAAe prover as bases necessárias para as atividades de planejamento, programação, coordenação, execução, controle e avaliação do ensino e da aprendizagem. Para que todo este sistema funcione em prol de uma eficiente política de ensino, a divisão  é subdividida em Seção Técnica de Ensino, Seção Psicopedagógica, Seção de Meios Auxiliares e Publicações, Seção de Pós-Graduação e Seções de Ensino.

As seções de ensino são as peças mais fundamentais desta engrenagem pedagógica. A seção de ensino Alfa (Seção de Emprego Tático e Logística) é responsável por ministrar as instruções de emprego da AAe e construir o conhecimento necessário para apoiar o Estado Maior do Exército em matéria de AAe e Defesa da Costa; já a seção de ensino Bravo (Seção de Sistema de Armas) é a responsável direta por ministrar as instruções de armamento antiaéreo; a seção de ensino Charlie (Seção de Sistemas de Controle e Alerta e Comunicações) responde pelas instruções de radar, guerra eletrônica e comunicações; e a seção de ensino Delta (Seção de Sistemas de Simulação e Alvos Aéreos) coordena e ministra as instruções de pilotagem de alvos aéreos e coordenar as atividades de simulação no ensino.

Os Cursos

A EsACosAAe, hoje ministra vários cursos em consonância com a legislação que regula o ensino de graus médio e superior no país, conforme o prescrito na lei de ensino no Exército Brasileiro e no regulamento da lei de ensino no Exército. As portarias do EME regulam a criação dos cursos da Escola, estabelecendo objetivos e fixando a duração.  Para os oficiais da arma de Artilharia é oferecido o curso de Artilharia Antiaérea (CAAe Of), que habilita os oficiais a ocupar cargos e a desempenhar funções estabelecidas nos quadros de cargos e quadros de cargos previstos (QCP) das organizações militares (OM) de Artilharia, que apoiam as operações na defesa do litoral e de costa e de artilharia antiaérea (Def Lit/Cos e AAe).

Já para os sargentos, são oferecidos três cursos: o curso de Artilharia Antiaérea (CAAe Sgt); o curso de operador de alvo aéreo que habilita os militares a a operar sistemas aéreos remotamente pilotados, empregados como alvo aéreo;  e o curso de operador de radar, que habilitar sargentos a operarem os diversos tipos de radares e computadores de tiro empregados hoje pelo Exército Brasileiro.

Escola de Fogo

Para coroar o adestramento dos Oficias e Sargentos alunos, a EsACosAAe promoveu no dia 10 de novembro de 2015, no Centro de Avaliações do Exército, localizado na Restinga da Marambaia (Rio de Janeiro), a sua “Escola de Fogo” . No exercício, os alunos puderam colocar em prática os aprendizados adquiridos nas salas de aula da EsACosAAe. Este ano o exercício, contou com a participação da 21ª Bia AAe Pqdt e do 1º GAAAe, que se fizeram presentes com quatro Metralhadoras .50, e com o suporte aéreo do 1º BAvEx, representado por uma aeronave HA-1 Fennec atuando como plataforma de varredura.

O exercício começou com os alunos sendo divididos as suas áreas de atuação. Posteriormente foram executados os tiros da viatura blindada de combate antiaéreo de 35 milímetros Gepard 1A2, um sistema de armas autônomo e altamente móvel, capaz de fazer frente a uma gama de ameaças. Em seguida, foram realizados disparos simultâneos do canhão antiaéreo Boffors L/70 40mm e de metralhadoras .50. Alem do Gepard 1A2 e do Sistema Bofors,  a EsACosAAe levou este ano ao CAEx, uma unidade do Radar SABER 60 e um grupo de operadores de alvo aéreos.

Durante a “Escola de Fogo 2015″ foram executados cerca de 2 mil disparo reais, mostrando porque a Escola de Artilharia de Costa e Antiaérea (EsACosAAe) é considerada a formadora do artilheiro do primeiro minuto! ” O Sol é o CZA!!!”

A Revista Operacional agradece ao Tenente-Coronel Mario Cesar, comandante da Escola de Artilharia de Costa e Antiaérea (EsACosAAe), e ao Capitão Emilião, chefe da 5ª seção, pelo apoio e profissionalismo dispensados na realização desta reportagem.

Fonte | Fotos: operacional

, , , , , , ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Formatura do Treinamento Específico de Auxiliar de Precursor

Dia Internacional do Peacekeeper no CCOPAB

Temporada hípica da EsEqEx