News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Tuesday, 23 de July de 2024
Home » Força Aérea » Militares britânicos conhecem unidades de infantaria da FAB no Sul

Militares britânicos conhecem unidades de infantaria da FAB no Sul

Força Aérea
Por

Royal Air Force Regiment2

O Batalhão de Infantaria da Aeronáutica Especial de Canoas (BINFAE-CO) e o 1º Grupo de Artilharia Antiaérea de Autodefesa (1º GAAAD), sediados no Rio Grande do Sul, receberam uma comitiva de oficiais do Royal Air Force Regiment, unidade de infantaria da Real Força Aérea Britânica, no final do mês de maio.

Os estrangeiros assistiram explanações sobre o papel da infantaria da aeronáutica na segurança e defesa das instalações e seu papel no contingente brasileiro na Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (MINUSTAH).

Royal Air Force Regiment3

A comitiva também conheceu as instalações das unidades de infantaria, sediadas na Base Aérea de Canoas (BACO). No BINFAE-CO, acompanharam uma apresentação técnica do pelotão de cães de guerra, conheceram os equipamentos utilizados pelo grupo de atiradores (sniper),  o Grupo Especial de Polícia de Aeronáutica e os equipamentos utilizados pela Companhia de Contraincêndio nas ações de segurança e prevenção de acidentes no aeródromo.

Já no 1º GAAAD, além da visita às instalações, participaram de uma demonstração do simulador de tiro do Sistema Igla-S, utilizado no treinamento das equipes de atiradores.

Royal Air Force Regiment

O Royal Air Force Regiment foi criado em plena Segunda Guerra Mundial, por ato real do Rei George VI. O regimento tinha o propósito de prover a defesa aproximada dos Aeródromos da Real Força Aérea contra os ataques rápidos e de surpresa da Força Aérea Alemã (Luftwaffe).

Fonte | Fotos: cecomsaer