News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Saturday, 13 de July de 2024
Home » Internacional » Marinheiros russos saíram na primeira viagem de instrução do porta-helicópteros Vladivostok

Marinheiros russos saíram na primeira viagem de instrução do porta-helicópteros Vladivostok

Diversos
Por

vladivostok

Os marinheiros russos saíram para alto-mar, no porta-helicópteros Vladivostok para efetuarem a sua primeira viagem de instrução. A saída do complexo de estaleiros de Saint-Nazaire, ocorreu às 09h20, hora de Moscou (02h20 de Brasília) com o início da maré alta. Tal como indica o gráfico de movimentos de navios do porto marítimo Nantes – Saint-Nazaire, o navio deverà regressar à costa daqui a dez dias, no dia 22 de setembro.

Inicialmente previa-se que o Vladivostok desatracaria de Saint-Nazaire para realizar uma viagem de instrução na terça-feira, porém essa incursão marítima foi alterada. A alteração que foi relatada por fontes do estaleiro de Saint-Nazaire, deveu-se a “questões técnicas” e não ao eventual cancelamento de entrega do Mistral à Russia, anteriormente anunciado pelas autoridades políticas francesas.

Cerca de 400 marinheiros russos chegaram a Saint-Nazaire no final de junho, para aprenderem a manobrar o porta-helicópteros. No caso da concretização da entrega após a conclusão da instrução no início de novembro, deverão regressar no navio a São Petersburgo para realizarem os trabalhos e posteriormente, seguirem até ao porto designado que servirá de base ao Vladivostok.

Fonte | Fotos: vozdarussia