News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Tuesday, 23 de July de 2024
Home » Internacional » Russia recebe o primeiro lote dos novos blindados T-72B3

Russia recebe o primeiro lote dos novos blindados T-72B3

Diversos
Por

T-72B3.2

As caraterísticas do novo tipo de material blindado russo podem ser até melhores às do famoso T-90, já que os novos blindados T-72B3 têm lagartas novas que dão uma vantagem quanto à mobilidade do blindado. O Distrito Militar Sul da Russia recebeu o primeiro lote dos novos T-72B3, segundo informou a assessoria de imprensa do Ministério da Defesa da Russia. “O armamento do blindado é composto por um canhão de 125 mm e duas metralhadoras – para atingir inimigos em potencial a curta distancia e alvos em baixas altitudes. A equipe composta por uma guarnição de três pessoas opera o tanque com um motor em V multicombustível de 4T, com 840 Hp e 12 cilindros, resfriado à água”.

Segundo nota do Distrito Militar Sul o Т-72Б3 também vem equipado com um aparelho de pontaria Sosna-U, integrado por uma metralhadora com rastreador do alvo e uma câmera termográfica. O novo modelo de blindado tem sensores meteorológicos e um computador balístico moderno. A principal diferença entre o T-72B3 e as versões anteriores é a nova lagarta que aumenta a sua mobilidade e portabilidade, e também a vida útil do equipamento. As caraterísticas do Т-72Б3  são quase semelhantes às do T-90, mas com o novo material o blindado se tornou mais econômico para a fabricação e manutenção.

FONTE: Sputniknews

Fonte | Fotos: operacional