News

SAFRAN ESTÁ NA FIDAE 2024 COM SEUS PRODUTOS DE PONTA

Embraer e FAB iniciam estudos para plataformas de missões especiais

Pavilhão Brasil, coordenado pela ABIMDE, é inaugurado por autoridades na FIDAE 2024

Forças Armadas e agências federais destroem helicóptero e detêm piloto em operação contra garimpo ilegal na terra indígena Yanomami

IACIT fortalece presença entre principais marcas globais na FIDAE 2024

Operação Catrimani II: Forças Armadas empregam 800 militares em nova fase de combate ao garimpo na TI Yanomami

Marinha e Polícia Federal apreendem carga de cigarros contrabandeados no litoral do Pará

Tuesday, 16 de April de 2024
Home » Mercado & Indústria » Helibras realiza 1ª avaliação operacional do EC725 armado

Helibras realiza 1ª avaliação operacional do EC725 armado

Mercado & Indústria
Por

Leandro Nascimento - Helibras

A Helibras apoiou no final de 2014 a primeira avaliação operacional de um EC725 armado. Para a avaliação, realizada pela FAB no Campo de Provas Brigadeiro Velloso, na Serra do Cachimbo, no estado do Pará, o helicóptero versão básica foi equipado com metralhadoras laterais 7,62 mm FN MAG, guincho para resgate em terra e no mar, gancho para transporte de carga externa e corda para desembarque de tropas.

 H-36-Caracal-foto-3-FAB

O helicóptero foi submetido a situações comuns de atividades da FAB na região amazônica, em 14 voos realizados no mês de dezembro. Os testes foram conduzidos em conjunto por militares do Esquadrão Falcão (FAB), do Departamento de Ciência e Tecnologia (DCTA) e do Instituto de Pesquisas e Ensaios em Voo (IPEV), Parque Aeronáutico de São Paulo (PAMA-SP) e pela Helibras.

H-36-Caracal-EC725-foto-FAB

Ao todo, 22 profissionais estiveram envolvidos na operação. Pela Helibras, participaram o piloto de provas Patrik Correa, o engenheiro de ensaios em voo Dreyfus Silva, o mecânico Leandro Nascimento e o técnico de pista Alexandre Matídios. “A avaliação operacional realizada em uma das unidades do EC725 já entregues, executada pelo cliente e apoiada pela Helibras, teve o intuito de avaliar a aeronave equipada, que se saiu muito bem em seu ambiente de operação real”, comentou Dreyfus.

FONTE : CCE

Fonte | Fotos: operacional