News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Thursday, 13 de June de 2024
Home » Mercado & Indústria » O UAV “Hunter” derivado do “Heron” da israelense IAI pode vir à ser fabricado no Brasil

O UAV “Hunter” derivado do “Heron” da israelense IAI pode vir à ser fabricado no Brasil

Mercado & Indústria
Por

Salon_du_Bourget_20090619_075

Conforme relatos da empresa Israel Aerospace Industries (IAI) de Israel, está sendo desenvolvido uma transferência de tecnologia ao seu parceiro de serviços no Brasil, a empresa Avionics Services, para que esta possa a vir desenvolver um novo UAV de altitude média e de longo alcance, chamado “Hunter” (Caçador). Ele seria um UAV derivado dos conhecidos ‘Heron” da IAI, mas adaptado às necessidades de seus futuros usuários no Brasil.

HERON UAV counter drug evaluation

O Hunter será equipado com um sistema de descolagem e aterrisagem automático e poderá ser utilizado com uma variedade enorme de equipamentos conforme as mais diversas missões. Este novo UAV será construído nas instalações da empresa Avionics Service na cidade de Botucatu, no estado de São Paulo e seria mais um exemplo da expansão da empresa israelense no mercado brasileiro.

Vant-PF

O sistema do UAV “Hunter”, que será baseado o “Heron”, já se encontra em operação no Brasil, sendo utilizado na Polícia Federal, desde o ano de 2010. Embora este usuário ainda esteja utilizando o UAV com restrições por conta de adaptações ao drone, pensa-se na venda do Hunter à Marinha do Brasil (sonha-se com uma venda de até 5 Uavs Hunter) para ser usado na vigilância e proteção da zona econômica exclusiva(ZEE).

Fonte | Fotos: defensa