RSS
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • RSS

Marinha

Selex ES fornecerá os sistemas de GE dos Super Lynx da Marinha do Brasil

Por   

Domingo Aéreo Musal 2014 (40)

A empresa Selex ES, uma subsidiária da italiana Finmeccanica ganhou um contrato para o fornecimento dos equipamentos de guerra eletrônica para as oito aeronaves Westland Super Lynx Mk21A (AH-11A) usados pela Marinha do Brasil, os quais serão modernizados nas instalações da AgustaWestland, na Inglaterra.

Nos termos do contrato, que foi recebido do contratante principal no caso a AgustaWestland, a Selex será responsável pelo fornecimento do sistema SAGE de ESM (Electronic Support Measures) e DAS (Defensive Aids Suite), que vão proporcionar uma ampla capacidade de alerta radar, com o objetivo principal de prover a proteção da aeronave, enquanto que o DAS tem por função acionar os dispositivos de contra medidas.

sage_HR_1

O Sistema de guerra eletrônica da Selex, o SAGE foi projetado para missões de inteligência RF, vigilância e reconhecimento. O sistema é capaz de coletar dados de emissor a partir de fontes de RF na faixa tática significativa e compará-los a uma biblioteca de dados interna para identificar e geo-localizar quaisquer ameaças.

Estes sistemas juntos irão oferecer um alerta radar de banda larga, que foi desenvolvido exclusivamente para a proteção da aeronave. Segundo a empresa, esta combinação de soluções irá oferecer aos Super Lynx Mk21A da Marinha do Brasil uma capacidade defensiva flexível e extremamente acessível.

selex-es-ew-solutions-seminar-at-paris-air-show-2013-8-638

A Selex irá fornecer o sistema e depois incorporá-lo ao Suporte de Guerra Eletrônica Operacional (EWOS-Electronic Warfare Operational Support) que utiliza ferramentas de programação de dados da missão.

Isso irá permitir que os Lynx´s da Marinha do Brasil possam vir a atingir uma capacidade de atualizar de forma independente seus sistemas, quando precisarem reconhecer novas ameaças à medida que forem chegando ao teatro de operações (TO).

Domingo Aéreo Musal 2014 (39)

A Selex já entregou esta solução a alguns países, como ao governo da República da Coreia do sul dentro do programa de helicópteros operacionais marítimos (Maritime Operational Helicopter-MOH) da sua Marinha (ROK Navy), para a Força Aérea indonésia em seus CN-235 (aeronaves de patrulha marítima) e ao Ministério da Defesa do Reino Unido.

FONTE : SelexES.com

Fonte | Fotos: operacional

, , , , ,

Recomendados para você

Comentários

GALERIA

Dia Internacional do Peacekeeper no CCOPAB

Temporada hípica da EsEqEx

Dia do Exército – 1ª DE

©Copyright 2017 - Comandos Editorial. Todos os direitos reservados.

É expressamente proíbida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sendo os infratores indiciados com base na Lei nº 9.610 de 19/02/1998.

Operacional Magazine: proud to be Brazilian.