News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Friday, 14 de June de 2024
Home » Força Aérea » Esquadrão Pelicano resgata homem atacado por animal em Mato Grosso do Sul

Esquadrão Pelicano resgata homem atacado por animal em Mato Grosso do Sul

Força Aérea
Por

UH-1H

Um helicóptero UH-1H do Esquadrão Pelicano (2º/10º GAV), da Força Aérea Brasileira (FAB), resgatou na madrugada desta segunda-feira (14/09) um homem de 60 anos ferido por um búfalo. O acidente ocorreu na Fazenda Paiol, distante 70 quilômetros de Corumbá (MS). A vítima foi transportada até o aeroporto da cidade, onde uma equipe do SAMU já aguardava o paciente.

 O acidente ocorreu por volta das 21h (horário de Brasília). O SALVAERO Curitiba, unidade da Aeronáutica responsável pela coordenação das missões de Busca e Salvamento, foi acionado pelo Terceiro Grupamento de Bombeiros Militar de Corumbá.

Os militares da FAB partiram de Campo Grande por volta de meia-noite e chegaram às 3h30min ao local, considerado de difícil acesso por via terrestre. Na missão, conforme explica o Capitão Aviador Miguel Lis Bruno, comandante da aeronave, toda navegação operacional foi realizada com os Óculos de Visão Noturna (NVG).

Esquadrão Pelicano resgata homem atacado por animal em Mato Grosso do Sul

“Quando chegamos, o pessoal da fazenda acendeu os faróis dos maquinários para nos balizar. Havia vários pontos de alagamento, mas encontramos uma área de pouso segura. Se não fosse o NVG, certamente a execução dessa missão seria impraticável”, ressalta o militar.

O paciente foi operado e se encontra estável. O Tenente Médico Dyego Santos Queiroz participou do resgate e explica as condições em que o homem se encontrava. “O quadro dele era grave, mas estável. Tinha muita perda sanguínea e necessitava de procedimento cirúrgico urgente, pois havia até mesmo o risco de morte”, explica o Tenente Santos.

O helicóptero utilizado na missão estava equipado com oxigênio, ventilador mecânico e cardiodesfibrilador. “Para nós da tripulação é muito gratificante participar de um resgate dessa natureza. Nós treinamos para podermos contribuir com a sociedade e estamos prontos para isso”, finaliza o Capitão Miguel.

FONTE: CECOMSAER

Fonte | Fotos: operacional