News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Monday, 17 de June de 2024
Home » Geopolítica » Estados Unidos terão força de intervenção rápida do USMC no Oriente Médio

Estados Unidos terão força de intervenção rápida do USMC no Oriente Médio

Diversos
Por

131219-M-WC184-422

O Corpo de Fuzileiros dos Estados Unidos (USMC) enviará uma força de 2.300 homens ao Oriente Médio para responder rapidamente a eventuais crises na região, informou o Pentágono nesta terça-feira. Esta unidade de resposta não estará vinculada “às operações no Iraque neste momento”, disse um porta-voz do Pentágono, contra-almirante John Kirby, em referência aos bombardeios aéreos dos EUA e de seus aliados contra militantes do Estado Islâmico (EI).

geo1

Esta força estará dotada de vários aviões e poderá atuar rapidamente no caso de “acontecimentos imprevistos”, segundo Kirby. Segundo um oficial dos Marines, a força ficará estacionada no Kuwait. A ideia deste tipo de unidade de intervenção surgiu no ano passado, após o ataque contra o consulado americano em Benghazi, na Líbia, no dia 11 de setembro de 2012, muito antes da atual campanha aérea liderada pelos Estados Unidos contra os jihadistas do Estado Islâmico na Síria e no Iraque.

IRAQ__Romeo_Gacad_AFP

A força tem por objetivo permitir uma resposta mais rápida ao surgimento inesperado de uma crise em uma área determinada, a exemplo da evacuação de uma sede diplomática. Uma força do mesmo tipo para a África já foi estabelecida na Espanha.

FONTE : Correio Braziliense

Fonte | Fotos: operacional