News

Forças Armadas e sociedade civil transportam 3,6 mil toneladas de donativos ao Rio Grande do Sul na maior campanha humanitária já registrada no país

Embraer e FAB colaboram com logística e doações para o Rio Grande do Sul

P-3AM Orion faz primeiro voo com novas asas

ABIMDE coordenou empresas brasileiras na Defence Service Asia 2024

KC-390 Millennium transporta Hospital de Campanha da FAB para Canoas

Hospital de Campanha da Marinha inicia atendimentos no RS nesta quinta-feira (9)

Exército instala Hospital de Campanha para apoio de saúde à população no Rio Grande do Sul

Monday, 20 de May de 2024
Home » Internacional » O USS Mesa Verde (LPD-19) entra no Golfo Pérsico para possível ação no Iraque

O USS Mesa Verde (LPD-19) entra no Golfo Pérsico para possível ação no Iraque

Diversos
Por

USS_Mesa_Verde;10091902

O navio norte-americano USS Mesa Verde entrou nesta segunda-feira (16) no Golfo Pérsico para apoiar uma possível ação dos Estados Unidos em auxílio ao governo do Iraque, informou a emissora CNN. No total, 550 marines estão na embarcação.

O governo xiita do Iraque está em combate a uma insurgência islamita sunita que ocupou uma ampla área no norte do país.

USS_Mesa_Verde

“O secretário de Defesa Chuck Hagel ordenou ao navio de transporte anfíbio ‘USS Mesa Verde’ que entrasse no Golfo. O navio já está no Estreito de Ormuz”, afirmou o porta-voz do Pentágono, contra-almirante John Kirby, em um comunicado.

USS-Mesa-Verde-heads-for-the-med-03-2011

Os marines poderão participar, se necessário, de operações de evacuação da embaixada americana em Bagdá, se a situação por acaso se agravar, segundo um funcionário do Pentágono.

O USS Mesa Verde se junta ao porta-aviões USS George H.W. Bush, que estava no norte do Mar Arábico e foi enviado pelo Pentágono ao Golfo no sábado (14). O USS George H.W. Bush foi acompanhado pelo cruzador de mísseis guiados USS Philippine Sea e o destroyer USS Truxtun.

080816-N-6031Q-213

Determinada pelo secretário americano da Defesa, Chuck Hagel, a ação acontece em meio a apelos para conter com ataques aéreos uma ofensiva relâmpago realizada por militantes islâmicos sunitas que ameaça Bagdá e o governo liderado pelos xiitas.

USS Mesa Verde LPD 19

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse na sexta-feira (13) que ele levaria vários dias para determinar como os EUA irão ajudar o Iraque a lidar com a insurgência. Mas descartou enviar as tropas norte-americanas de volta ao combate e disse que qualquer intervenção dependeria de um envolvimento maior das autoridades iraquianas.

USS_Mesa_Verde2

O Pentágono está preparando uma série de opções para Obama, incluindo ataques aéreos. Tais ações seriam destinadas a ajudar o Iraque contra militantes do Estado Islâmico do Iraque e do Levante, ou ISIL.

Fonte | Fotos: g1