News

SAFRAN ESTÁ NA FIDAE 2024 COM SEUS PRODUTOS DE PONTA

Embraer e FAB iniciam estudos para plataformas de missões especiais

Pavilhão Brasil, coordenado pela ABIMDE, é inaugurado por autoridades na FIDAE 2024

Forças Armadas e agências federais destroem helicóptero e detêm piloto em operação contra garimpo ilegal na terra indígena Yanomami

IACIT fortalece presença entre principais marcas globais na FIDAE 2024

Operação Catrimani II: Forças Armadas empregam 800 militares em nova fase de combate ao garimpo na TI Yanomami

Marinha e Polícia Federal apreendem carga de cigarros contrabandeados no litoral do Pará

Wednesday, 24 de April de 2024
Home » Mercado & Indústria » Embraer recebe as primeiras turbinas IAE V2500-E5 do KC390

Embraer recebe as primeiras turbinas IAE V2500-E5 do KC390

Mercado & Indústria
Por

kc390RJ

A IAE (International Aero Engines AG) informou o envio do seis protótipos da turbina do modelo V2500-E5 para o KC-390, que começam a ser montado pela Embraer Defesa e Segurança (EDS).

Deste lote três unidades foram entregues bem antes do prazo, enquanto três outras estavam no cronograma para entrega em maio, elas serão usadas nos testes de vôo até que sua  aprovação seja feita, o que talvez seja em agosto deste ano.

Um grupo de técnicos da IAE / Pratt & Whitney estão trabalhando nas instalações da ESD, em Gavião Peixoto dando apoio ao programa e ao primeiro vôo de testes da aeronave.

Em uma reunião, realizada no Centro de motores da Pratt & Whitney, em Middletown (Connecticut) , as turbinas V2500-E5 foram transferidos para a UTC Aerospace Systems – Aerostructures (Foley, Alabama), onde seus sistemas foram concluídos.

V2500-E5-de-testes-para-o-Embraer-KC-390-foto-IAE

O motor V2500-E5 ira oferecer um empuxo de £ 31.330,tendo sido escolhido como vencedor em meados 2011, pela Embraer / FAB por ter conseguido alcançar todos os requisitos, que foram postos para a utilização no KC-390.

Possuindo uma grande compatibilidade com o V-2500 original (versão civil, utilizada em aeronaves, tais como a família Airbus 320 e os MD-90) ele foi concebido para ter a flexibilidade necessária de se adaptar ao desenho do KC-390 e ao seu perfil operacional de poder operar em pistas curtas e não preparadas.

Fonte | Fotos: defensa